1ª LEI DE OHM

1ª Lei de Ohm

A Lei de Ohm, assim designada em homenagem ao seu formulador, o físico alemão Georg Simon Ohm (1789-1854), afirma que, para um condutor mantido à temperatura constante, a razão entre a tensão entre dois pontos e a corrente elétrica é constante. Essa constante é denominada de resistência elétrica.

R = U/I  = constante

A diferença de potencial U, dividido pela corrente elétrica I , é resistência do resistor R, que é denominada de Lei de Ohm:

U = I . R

ou

1ª Lei de OHM

Triângulo Mágico da Lei de OHM

Triângulo Mágico da Lei de Ohm

Como utilizar:

Ponha a mão sobre a grandeza que deseja calcular. As grandezas que restam, formam a equação na ordem que aparecem. Veja na imagem acima as três possibilidades possíveis.

Esse triângulo funciona da seguinte forma:

  • Se eu tenho os valores da Tensão e Corrente e não tenho o da Resistência, é só eu dividir a Tensão (U) pela Corrente (I);
  • Se eu tenho os valores da Resistência e Corrente e não tenho o da Tensão, é só eu multiplicar a Resistência (Ω) pela Corrente (I);
  • Se eu tenho os valores da Tensão e Resistência e não tenho o da Corrente, é só eu dividir os valores da Tensão (U) pela Resistência (Ω).

Exercícios Resolvidos

1. Calcule a resistência elétrica de um resistor que apresenta 10A de intensidade de corrente elétrica e 200V de diferença de potencial (ddp).

Segundo a Primeira Lei de Ohm, a resistência é calculada pela seguinte expressão:

R=U/I

Sendo,

U=200V

I=10A

R=200/10

R=20 Ω

Logo, a resistência é de 20 Ω.


2º Exemplo

2. Calcule o valor da intensidade da corrente elétrica I que circula no circuito abaixo, com uma fonte de 100V de tensão e 2 resistores de 5 Ω em série.

Neste exemplo, nós temos duas resistências, cada uma de 5Ω, em série. Nesse caso, por se tratar de associação em série, podemos somar os valores das resistências, resultando em 10 Ω. Temos também uma tensão de 100V. Agora falta descobrir o valor da Corrente (I).

Como aprendemos agora, pelo método do triângulo, é só dividir a Tensão pela Resistência!

Ponha a mão sobre a corrente. Ficaram visíveis o U/R, nesta ordem, portanto, I = U/R

Resolvendo:

U = 100 V

R = 10 Ω

I = ?

I = U / R

I = 100 / 10

I = 10 A

Se preferir utilizar a fórmula U = R.I , basta substituir os valores:

Universo Científico. All rights reserved.